Travel

André Neres e Rafaela Bastos revalidam títulos nacionais de dificuldade

André Neres e Rafaela Bastos revalidaram, no Jamor, os títulos nacionais de Dificuldade numa competição com perfume espanhol. 

De facto, André Neres foi superado (pela primeira vez em muito tempo numa competição em Portugal) pelo campeão nacional espanhol Javier Cano que; todavia; só venceu o campeoníssimo luso num desempate por tempo. O terceiro classificado foi outro espanhol; Pablo Calaveras, jovem de 18 anos que é uma grande esperança da escalada do país vizinho.

Desfecho semelhante ao da competição feminina em que Rafaela Bastos foi batida no relógio pela espanhola Maria Paredes. O terceiro posto coube a Madalena Casanova.

“Fiquei contente pela prova, que foi espetacular e satisfeito pela competição cerrada. Obviamente; preferia ter ganho e fico um pouco frustrado por ter sido batido por tempo numa prova que se quer de dificuldade e não de velocidade. Teria sido mais bonito sido vencido pela dificuldade. Globalmente, muito satisfeito pela adesão; pelas vias de grande qualidade e pela satisfação do público”; afirmou André Neres sem esconder alguma desilusão por não ter ganho a prova, apesar da conquista de mais um título. 

Já Javier Cano, o vencedor da prova e campeão espanhol; mostrou-se “satisfeito por ter ganho: “embora tivesse preferido ganhar de outra forma que não tempo; mas vou embora muito contente e agradavelmente surpreendido pela organização, pela qualidade das vias e das presas. A organização está de parabéns”, referiu.

por fim,Também na competição feminina; Rafaela Bastos fez eco do sabor “amargo e doce” da prova: “Correu muito bem; se bem que na final acabou por ser uma prova de velocidade. As vias deviam estar um pouco mais difíceis. Mas sim, correu muito bem e espero que haja mais e ainda melhor para o ano”

Via
Record
Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close
Close