World

Metade desistiu e deixou Portugal em sexto na Taça da Europa de 10.000 metros

Metade das portuguesas que este sábado competiram em Londres na Taça da Europa de 10.000 metros acabou por desistir; o que deixou a seleção lusa arredada da luta pelo pódio coletivo de uma competição que já chegou a vencer.

A presença de Jessica Augusto; Dulce Félix e Sara Moreira parecia garantia de um bom resultado na corrida noturna disputada na pista de atletismo de Parliement Hill; mas seriam elas as desistentes; o que se refletiu na pontuação de Portugal na única prova em que se apresentava coletivamente.

Salomé Rocha foi quem acabou por fazer a corrida mais interessante, terminando em 11.º lugar, com 32.33,43 minutos; enquanto que Catarina Ribeiro fechou em 28.º, com 33.59,89 – ambas sem se aproximar dos seus recordes pessoais.

assim,A equipa foi completada por Susana Godinho, oitava na corrida ‘B’, com 33.40,91.

contudo,Com estes resultados, a equipa portuguesa fica fora do pódio, que foi dominado pela Grã-Bretanha (1:36.18,80); à frente da Espanha (1:38.07,75) e Itália (1:38.13,80). Portugal terminou na sexta posição, com 1:39.54,23.

por fim,A prova, organizado pelos Highgate Harriers e chamada de ‘Night of 10.000 m PBs’ (a noite dos recordes pessoais dos 10.000 metros); decorreu em simultâneo com os campeonatos britânicos e acabou mesmo por ter como primeira posicionada uma atleta a correr por clube e não por seleção.

A inglesa Stephanie Twell, de 29 anos e excelente júnior há dez anos; ganhou em 31.08,10 a alinhar pelo clube Aldershot. Em segundo – mas a revalidar o título do ano passado – concluiu a israelita Lonah Salpeter; com 31.15,80, e a terceira foi a britânica Elish McColgan, com 31.16,83.

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close
Close