Motores

Schumacher irreconhecível: “Corpo deteriorado e músculos atrofiados”

A imprensa italiana fala de um “campeão irreconhecível”.

Seis anos passaram desde o trágico dia 29 de dezembro de 2013, quando Michael Schumacher foi vítima de uma queda numa pista de esqui dos Alpes franceses, em Meribel, num acidente que mudou assim significativamente a vida da maior lenda da Fórmula.

Desde aquele dia trágico foram pois escassas as informações sobre o estado de saúde do heptacampeão mundial, tanto pela vontade dele quanto da sua família.

Contudo recentemente o neurocirurgião Nicola Acciari, do hospital de Bologna, em Itália, tinha ressalvado para o facto do corpo do piloto alemão; encontrar-se num estado bem distinto daquele que apresentava nos circuitos de alta velocidade.

Esta informação aparece entretanto agora complementada com a que foi divulgada pelo meio de comunicação transalpino Contro Copertina; que avança que o “corpo de Schumacher está deteriorado e os músculos atrofiados”.

A mesma publicação dá conta de um “campeão irreconhecível”. 

Via
Noticias ao Minuto

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close
Close