FutebolInternacional

Técnico da Atalanta assume que tinha Covid-19 no jogo com o Valencia

O jogo europeu entre Atalanta e Valencia foi apelidado, ainda em março, de bomba biológica. Com a pandemia de Covid-19 já a fazer-se sentir nos dois países, uma deslocação de adeptos e equipas poderá ter agravado a situação.

Agora, Gianpiero Gasperini, treinador da formação italiana, em entrevista à Gazzetta dello Sport, admite que esteve doente dias antes desse encontro. 

“Eu tive o novo coronavírus. Senti-me mal antes do jogo com o Valência, no dia do jogo foi ainda pior. Estava sem febre, mas estava a sentir-me muito mal. Eles nunca me fizeram o teste, embora o exame sorológico confirmasse que eu tinha a doença”, contou Gasperini.

“Eu não tinha uma boa cara no banco. Era 10 de março. Depois de voltar de Valência, nas duas noites seguintes em Zingonia, dormi pouco, não tinha febre, mas senti como se os meus ossos estivessem em pedaços e lá fora parecia estar a acontecer uma guerra: a cada dois minutos passava uma ambulância com sirenes ligadas. Tinha perdido o paladar, mas não sabia que tinha o vírus. Portanto, os testes sorológicos realizados há algumas semanas atrás confirmaram que eu tinha o COVID-19”, sentenciou sobre o tema.

Via
Noticias ao Minuto

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close
Close