FutebolSporting

Não há reforço como Pote. Darwin e Taremi observam… mas de longe

O Sporting reforçou, esta sexta-feira, a liderança isolada da I Liga, ao derrotar o Nacional, por 2-0, no lamaçal em que se tornou o relvado do estádio da Choupana, que impediu alguns jogadores mais virtuosos de mostrarem o que valem… mas nem todos.

Foi o caso de Pedro Gonçalves, que, apesar de não ter marcado, deu a marcar quando, na reta final da primeira parte, foi ao chão assistir Nuno Santos para o golo que quebrou o nulo.

Feitas as contas, o jogador contratado ao Famalicão no passado mercado de transferências de verão teve já influência direta em 13 dos 30 golos assinados pelo conjunto orientado por Rúben Amorim na presente edição do campeonato nacional.

O internacional sub-21, que custou cerca de 6,5 milhões de euros por 50% do passe, soma, até ao momento, 11 golos e duas assistências, o que o torna no melhor reforço da competição ao fim de 13 jornadas, com uma confortável vantagem sobre os principais perseguidores.

São eles Darwin Núñez, do Benfica (três golos e sete assistências), e Mehdi Taremi, do FC Porto (seis golos e quatro assistências), que, com contribuição para dez dos golos das respetivas equipas, surgem empatados na segunda posição.

 GolosAssistênciasTotal
Pedro Gonçalves (Sporting)11213
Mehdi Taremi (FC Porto)6410
Darwin Núñez (Benfica)3710
Luca Walschmidt (Benfica)628
Nuno Santos (Sporting)448
Angel Gomes (Boavista)358

Nuno Santos também tem palavra a dizer

No entanto, os elogios ao ‘olho clínico’ do Sporting no mercado de transferências não se ficam por aqui, uma vez que Pedro Gonçalves e Nuno Santos compõem aquela que é, até ao momento, a parceria de ataque mais temível do principal escalão do futebol português.

Juntos, o ex-Famalicão e o ex-Rio Ave levam 15 golos marcados, mais dois do que as duplas Haris Seferovic-Luca Walschmidt e Sérgio Oliveira-Mehdi Taremi, que assinaram 13 golos ao serviço de Benfica e FC Porto, respetivamente.

Via
Noticias ao Minuto

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo