FutebolSporting

Sporting recorre de castigo para ter Rúben Amorim no banco

O Sporting fez chegar, pela manhã desta terça-feira, ao Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) o recurso relativo ao castigo de seis dias imposto pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol ao treinador Rúben Amorim.

Segundo foi possível ao Desporto ao Minuto apurar, o dito recurso poderá ter efeitos suspensivos, o que significa que ainda não está descartada a hipótese de o técnico se sentar no banco de suplentes, esta quarta-feira, em Vila do Conde, na visita ao Rio Ave.

Em causa, recorde-se, estão as declarações prestadas à imprensa após o empate a duas bolas diante do FC Porto, a 17 de outubro de 2020, onde acusou a equipa de arbitragem liderada por Luís Godinho de “dualidade de critérios” por lhe ter exibido o cartão vermelho, mas não a Sérgio Conceição.

A direção liderada por Frederico Varandas reagiu à sanção pelas primeiras horas da manhã, demonstrando estranheza quanto à “súbita urgência” em aplicar um castigo “com seis meses de atraso”, no dia em que Rúben Amorim “prestou declarações sobre o processo que ameaça suspendê-lo por um período de um a seis anos”.

Via
Noticias ao Minuto

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo