Futebol

Sérgio Vieira: «Brasil foi uma verdadeira experiência de vida»

Treinador do Farense trabalhou durante três anos no país em que o compatriota Jorge Jesus está a ter sucesso

Sérgio Vieira, atual treinador do Farense, trabalhou no Brasil entre 2015 e 2017, período que considera “determinante” na sua carreira; olhando agora com particular interesse para o sucesso de Jorge Jesus à frente do Flamengo.

“O Brasil é, para mim, o país do futebol e planeei passar por lá algum tempo; acabando por ter uma verdadeira experiência de vida”, salienta o treinador.

“Além da parte técnica, com jogadores de enorme qualidade, espalhados por todos os cantos do mundo; o que se vive no futebol brasileiro, nos planos emocional, social e humano e na pressão a que estamos sujeitos é de uma dimensão incrível e ajuda-nos a crescer e a procurar respostas”, salienta Sérgio Vieira.

Assim, No Brasil, adianta o técnico, “mesmo clubes menos conhecidos fora do país têm massas adeptas consideráveis; que querem vitórias, e a pressão vem também da imprensa; sempre com muitos órgãos de comunicação social presentes diariamente à procura de informações. E acaba por também haver, em muitos casos uma grande pressão interna, por não estarem presentes princípios e regras de organização e gestão comuns nos clubes europeus”.

Certamente, No balneário de um clube brasileiro “o treinador lida frequentemente com complexos problemas humanos e sociais. Jogadores que conheceram diferentes modelos de educação, com percursos complicados de vida… Assim, Alguns desses casos acabam depois por tornar-se públicos, com o crescimento e a afirmação dos futebolistas: episódios de violência por vezes com perda de familiares muito próximos; ligações ao tráfico de droga… Isso obriga um treinador a dispor de ferramentas que lhe permitam colocar em primeiro lugar o lado humano, antes da parte técnica”.

Via
record
Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close