FC PortoFutebol

“O FC Porto manter-se-á na liderança da luta contra todas as artimanhas”

I Liga

Pinto da Costa aproveita a Dragões para sublinhar a importância do empate alcançado pelo FC Porto na Alemanha, na primeira jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões

A deslocação do ​​​​​​​FC Porto a Gelsenkirchen foi a oportunidade para que Pinto da Costa sublinhasse o recorde de presenças na Champions que o clube detém, a par de Barcelona e Real Madrid, e que nesta edição atingiu as 23. Mas o jogo com o Schalke 04 foi sobretudo uma oportunidade para que o presidente pudesse revisitar a história, congratulando-se com o empate alcançado. “Todos queríamos vencer, mas começamos com um empate, o que na Alemanha, em casa do vice-campeão alemão, nunca é um resultado negativo. A Champions é a competição mais dura do futebol de clubes e para já demonstramos ambição e a determinação de conseguirmos a qualificação para os oitavos de final”, apontou, no editorial da Dragões.

No mesmo texto, o líder portista garante que o clube se manterá na luta contra as “artimanhas”: “O futebol português continua em convulsão pelas revelações do esquema de adulteração da verdade desportiva. O FC Porto manter-se-á na liderança da luta contra todas as artimanhas que estragam este desporto”, pode ler-se. “Já lá vai mais de um ano de intenso trabalho de investigação e denúncia e hoje já ninguém acredita que a razão não está do nosso lado”, conclui.

Pinto da Costa destacou ainda a vitalidade de um clube à beira de completar 125 anos. “Cada vez que revisitamos a história deparamo-nos com um sem-número de episódios de competência, rigor, de ambição, de paixão. É a combinação destes quatro pilares que faz do FC Porto um caso único, que faz do FC Porto o clube português com mais títulos internacionais. É este o caminho do FC Porto contemporâneo que continuamos a trilhar”, vincou.

Fonte: O Jogo.

Origem
O Jogo

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close