FC PortoFutebol

Marcou um livre exímio ao FC Porto mas atira: “Não treino assim tanto”

Gundogan foi o autor do segundo golo do Manchester City diante do FC Porto (3-1), em jogo disputado na noite de quarta-feira e referente à 1.ª jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões, através de um livre direto exímo e sem hipóteses de defesa para Marchesín. No entanto, o internacional alemão garante que raramente treina situações de bolas paradas nos treinos. 

“Tenho de admitir que não treino muito a cobrança de faltas, mas em certas distâncias sinto-me confortável. A de hoje foi perfeita para mim”, começou por dizer Gundogan, em declarações aos canais oficiais do Manchester City, prosseguindo.

2Conversei com Raheem [Sterling] e ele deixou-me bater. Estou muito feliz por ter tido a oportunidade de marcar”, explicou o médio alemão. 

Sobre o jogo diante do FC Porto, Gundogan admitiu que o Manchester City teve de saber sofrer para derrotar o conjunto portista. 

“Tivemos dificuldades em diferentes fases do jogo e começámos a perder, o que dificultou as coisas. Jogámos muito bem em alguns momentos, mas ainda precisamos de melhorar. O mais importante é que começámos bem e garantimos os três pontos”, rematou o internacional germânico.

Via
Noticias ao Minuto

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo