FutebolInternacional

Jorge Jesus: «Fizemos quatro golos, só valeu um»

Flamengo empatou 1-1 em casa do Grémio na 1.º mão das meias-finais da Libertadores

O Flamengo, de Jorge Jesus, conseguiu na quarta-feira um positivo empate a um golo no reduto do Grémio, ‘aproximando-se’ da final da Taça Libertadores, que jogou e venceu pela única vez em 1981, há 38 anos. O conjunto do Rio de Janeiro logrou, aliás, introduzir mais três vezes a bola na baliza de Paulo Victor, mas, após consulta ao VAR, não foram validados os remates vitoriosos de Everton Ribeiro (20 minutos) e Gabriel Barbosa (24 e 80). No final, Jorge Jesus fez críticas ao trabalho da equipa de arbitragem.

“Quero dar os parabéns ao Flamengo, que fez uma partida extraordinária. Esse jogo não resolve nada. Mas o Flamengo foi melhor em todos os aspetos e merecia a vitória. Fizemos quatro golos, só valeu um. Revi e não sei como o árbitro anulou o do Gabigol”, disse Jorge Jesus.

A eliminatória será decidida no mítico Maracaña, em 23 de outubro, com o Flamengo, que vai numa série de 12 jogos consecutivos sem perder (nove vitórias e três empates), bem lançado para repetir 1981 – bateu na final o Cobreloa, num jogo de desempate (2-1 em casa, 0-1 fora e 2-0 em campo neutro).

“O fator casa não é determinante, mas é importante. Ainda mais no Maracanã, com os adeptos a empurrar a equoa. Esperamos que tenha capacidade para conseguir o objetivo, que é estar no Chile. O resultado, teoricamente, é melhor para o Flamengo”, finalizou JJ.

Via
Record
Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close
Close