Futebol

Dyego Sousa recorda passado: «Não tinha o que comer»

Avançado lembrou dificuldades com vários meses de salários em atraso na fase inicial da carreira

Dyego Sousa concedeu uma entrevista a um blog associado ao portal brasileiro UOL, onde revisitou o seu passado, marcado por várias dificuldades a nível financeiro.

“A minha carreira nunca foi fácil. Os amigos que vieram comigo para Portugal rapidamente desistiram e eu só fiquei porque tive muito apoio da minha família”, afirmou o ponta-de-lança, prosseguindo: “Sofri muito com salários em atraso. Ficava três, quatro meses sem receber. Não tinha o que comer. Só não foi pior porque contei muito com a ajuda da minha mulher. Ela trabalhava e tinha de sustentar a casa.”

Via
Record
Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close
Close