FC PortoFutebol

Dragão enfrenta último ‘grande’ teste frente a Leão em mudanças

O FC Porto recebe esta quarta-feira, no estádio do Dragão, o Sporting naquele que será o último teste de monta da equipa de Sérgio Conceição até ao final da I Liga. 

Num encontro que, pelo seu cariz histórico, é sempre perspetivado como partida grande, os dragões quererão certamente deixar boa imagem frente a um dos seus eternos rivais.

Porém, do outro lado do campo, estará um leão em clara ascensão. Com a chegada de Rúben Amorim, o futebol dos verde e brancos revolucionou-se pela raiz e do sistema tático às apostas para titularidade muito mudou.

Com o título já garantido, nem por isso será de esperar uma partida com intensidade mais baixa, até porque, a bem dizer, esta poderá ser uma rampa de lançamento para Conceição lembrar que depois do campeonato ainda há uma Taça para tentar vencer frente ao Benfica.

Fique com os pontos essenciais de antevisão para mais um Clássico, partida que poderá seguir amanhã, em direto, no Desporto ao Minuto, a partir das 21h30.

Treinadores em discurso direto:

Sérgio Conceição:

Caso seja campeão já hoje [terça-feira] o que muda na abordagem para o Clássico: Não muda absolutamente nada. Temos três jogos para disputar até ao final da Liga e ainda a final da Taça de Portugal. Abordaremos esses encontros com a maior seriedade possível, com a ambição e a determinação sempre presente.

Sporting com Rúben Amorim é uma equipa mais forte? É uma equipa diferente, com alguns jovens de muita qualidade lançados pelo seu treinador. Tendo em contas os resultados, o Sporting mudou para muito melhor. Eles ainda não perderam e isso é reflexo da qualidade coletiva e dos jogadores que compõe esse coletivo. 

Ausências de peso no Clássico. Isso muda a abordagem táctica do jogo? A dinâmica da equipa é que vai determinar se a equipa é mais ofensiva ou não, assim como a sua presença no último terço do relvado. Temos de encontrar um bom equilíbrio para ganhar o jogo, independentemente de jogarmos em 4-3-3 ou 4-2-2. 

Rúben Amorim:

FC Porto: Não vejo muitas diferenças, é uma equipa muito competitiva, com várias soluções. Pode jogar em 4-4-2-, 4-3-3… está preparada para tudo. Se olharmos para o último jogo em que estive contra eles, quando estava no Sporting de Braga, e olhar para o FC Porto agora, que está a um ponto do título… revela muito do seu treinador, do clube e do espírito da equipa. Vejo uma equipa que quer ser campeã. E, do outro lado, vai estar uma equipa que quer vencer o jogo, que está numa boa fase e que precisa destes jogos para crescer. Prevejo um grande jogo e espero que o Sporting faça um grande jogo.

Vitória no Clássico como prémio de consolação para o Sporting?: De forma alguma. São três pontos. O importante é nós, que ainda lutamos por um objetivo, mantenhamos esse objetivo. No Sporting, a consolação de uma época não pode passar por ganhar a um rival, seja em que jogo. Não estamos aqui para impedir que o FC Porto seja campeão, mas sim para ganhar os nossos jogos e atingir os nossos objetivos. Não é consolação, mas queremos vencer, como em todos os jogos, o que seria bom sinal. Mas, mais do que vencer, queremos ver o comportamento da equipa e dos nossos jogadores.

Primeiro grande teste com o Sporting: Não vejo assim, todos os jogos são importantes e um teste forte. Este é mais, frente a uma equipa muito forte. Por exemplo, o Eduardo Quaresma, o Matheus Nunes… que não estão habituados a este tipo de jogos, vão ter dificuldades que não tiveram até aqui, mas o treinador e jogadores do Sporting estão em teste todos os dias. Testes são todos os dias. Espero os jogadores bem física e mentalmente, motivados. Que se enfrente o FC Porto olhos nos olhos.

Últimos onzes:

FC Porto: Marchesín, Wilson Manafá, Mbemba, Pepe (cap.), Alex Telles, Sérgio Oliveira, Matheus Uribe, Otávio, Tecatito Corona, Marega e Soares.

Sporting: Maximiano; Ristovski, Coates, Eduardo Quaresma, Acuña, Nuno Mendes; Doumbia, Wendel; Gonzalo Plata, Jovane Cabral e Sporar

Últimos resultados:

FC Porto: E-V-V-V-V

Sporting: V-V-V-E-V

Lesionados e castigados:

FC Porto: Iván Marcano e Sérgio Oliveira (lesionados); Matheus Uribe e Tecatito (castigados)

Sporting: Luiz Phellype e Vietto (lesionados); Acuña (castigado)

Via
Noticias ao Minuto

Artigos relacionados

Back to top button
Close
Close