Futebol

‘Caso Bernardo Silva’ divide balneário do Manchester City

Vários jogadores dos campeões ingleses não gostaram de ver Sterling defender o português.

A polémica criada em torno do ‘tweet’ de teor alegadamente racista dirigido por Bernardo Silva a Benjamin Mendy – que já levou, inclusive, a Federação inglesa (FA) a acusar o português de conduta imprópria – ganhou, este sábado, um novo capítulo.

E tudo porque na passada jornada da Premier League, imediatamente após a vitória do Manchester City sobre o Everton; por 3-1, Raheem Sterling veio a público para sair em defesa do companheiro de equipa.

O avançado defendeu que este não se trata de “um caso de racismo”, mas sim de “uma situação entre dois amigos”; e referiu que “é triste ver alguém como o Bernardo desanimado durante toda a semana”.

Declarações que, de acordo com informações veiculadas pelo jornal britânico Daily Mail; não caíram bem junto de vários elementos do plantel dos campeões ingleses, criando uma divisão no balneário.

Alguns jogadores dos citizens terão, inclusive, contactado a associação anti-racismo Kick It Out com o intuito de se distanciarem da posição de Raheem Sterling a propósito do caso que está a abalar o futebol inglês.

Via
noticias ao minuto
Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close
Close