Futebol

Bruno Lage: «Estive aqui meia hora aos gritos à procura das chaves e não era preciso»

Técnico desvaloriza contestação das últimas semanas e reforça bom momento do Benfica

Assim, Nas últimas semanas Bruno Lage chegou a ser contestado devido aos maus resultados do Benfica na Liga dos Campeões e a exibições menos conseguidas no campeonato. Os encarnados voltaram a demonstrar solidez nos últimos dois encontros, mas Bruno Lage não pensa assim. No final da vitória do Benfica frente ao Rio Ave, este sábado, na Luz, o técnico utiliza uma comparação curiosa para explicar o momento do Benfica.

“Agora as estatísticas são favoráveis, mas pensem no que nos aconteceu em cinco jogos, parecem cinco semanas, mas foram duas. Foi como perdermos a chave de casa: houve meia hora de barulho e de repente encontrámos a chave. A equipa não se estava a encontrar, muito barulho, mas os adeptos têm dado uma resposta fantástica. Não estavamos num bom momento, mas eles apoiaram e a equipa voltou a encontrar-se. Encontrámos mais rápido as chaves para entrar. Estive aqui meia hora aos gritos à procura das chaves e não era preciso”, sublinhou.

Ausência de Grimaldo e Raúl de Tomás

Certamente, Bruno Lage explicou também a lesão de Grimaldo e a nova ausência de Raúl de Tomás da convocatória. “Com o Grimaldo não se passa nada, foi gestão de esforço. Sentiu fadiga e pediu a substituição. O Raul é opção, decidi manter a mesma convocatória do jogo do Portimonense para o Rio Ave”, afirmou.

Via
record
Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close