BenficaVoleibol

TRIUNFO NO DÉRBI DE VOLEIBOL EM SÁBADO VITORIOSO

Benfica

No Pavilhão João Rocha, as águias foram mais fortes e ganharam, na negra, por 2-3.

Um jogo emocionante, com incerteza no marcador e com momentos de grande Voleibol foi o que se viu no Pavilhão João Rocha, este sábado. No dérbi da 4.ª jornada do Campeonato Nacional, o Benfica ganhou, por 2-3, e continua a conhecer apenas o sabor da vitória em 2018/19.

1.º set, apesar de equilibrado, teve sempre o Sporting na frente do marcador. O Benfica tentava responder, chegou ao empate em algumas situações, mas não conseguiu virar o parcial a seu favor, muito por culpa dos erros no serviço. No final, vitória leonina, por 25-22.

No parcial seguinte, o Sporting voltou a começar melhor e esteve no comando do marcador até aos 21 pontos. Nessa altura, já com Zelão na quadra, as águias responderam, ganharam o 2.º set por 22-25 e empataram a contenda (1-1).

Dérbi

3.º set acabou por ser algo anormal. O Benfica começou muito forte e rapidamente se viu a vencer, por 3-8. A vantagem ainda chegou a ser de sete pontos (3-10), mas a partir deste momento, Hugo Silva, treinador do Sporting, fez algumas mexidas na equipa e começou a recuperação dos da casa. O empate chegou aos 22 e aos 24 pontos, com o set a ir para as vantagens. Aí, a equipa de arbitragem teve uma decisão polémica que prejudicou o Benfica. Nuno Pinheiro fez a distribuição ainda dentro do meio-campo benfiquista, com o jogador do Sporting no bloco a provocar o contacto. O primeiro árbitro decidiu ao contrário, deu ponto aos verdes e brancos e instalou-se a indignação nas hostes encarnadas. Esse sentimento levou a equipa de arbitragem a expulsar Nuno Pinheiro, a dar cartão amarelo à equipa do Benfica, que já não podia substituir o distribuidor luso, e o set caiu para o Sporting (27-25).

parcial seguinte foi tirado a papel químico do anterior. Uma vez mais, as águias melhores no encontro. Os comandados por Marcel Matz conseguiram estar a vencer por 10 pontos (5-15), mas novamente o Sporting a recuperar no marcador. Chegou a estar a um ponto (16-17) e pairava no ar a possibilidade de nova reviravolta leonina. O técnico benfiquista acalmou os jogadores e o triunfo já não fugiu, por 23-25.

Dérbi

O dérbi seguia para a negra. O Benfica puxou dos galões, fez uso de um plantel completo e com muita qualidade para dominar o 5.º set. No fim, vitória, por 10-15 e o jogo fechado a favor dos da Luz.

O Benfica alinhou de início com André Lopes, Honoré, Hugo Gaspar, Fred Winters, Peter, Tiago Violas e Ivo Casas (L).

Na próxima jornada, as águias deslocam-se ao norte para medirem forças com a AA São Mamede.

Fonte: SLBenfica.

Origem
SLBenfica

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Close