BenficaFutebol

Benfica ‘ataca’ Tiago Martins: “Estaria distraído à procura de moedas…”

Clube da Luz tece duras críticas à atuação do VAR no encontro com o Rio Ave.

O Benfica fez, pois esta quarta-feira, uso da newsletter News Benfica para tecer duras críticas contra a arbitragem do encontro com o Rio Ave, que venceu por 3-2, carimbando o passaporte para as meias-finais da Taça de Portugal.

O clube da Luz fala no entanto de uma “grande penalidade evidente que ficou por assinalar” no início da jogada do segundo golo dos vilacondenses, que teve a assinatura de Mehdi Taremi. Uma decisão que, defende, é “incompreensível”.

“Consideramos inexplicável que sendo as imagens tão claras e tão obvias, o VAR não tenha intervindo em prol da verdade desportiva. O VAR, neste caso, foi Tiago Martins, o que nos leva questionar com compreensível ironia se, no caso em questão; estaria distraído à procura de moedas de cinco cêntimos para alegar escoriações, hematomas ou sabe-se lá que outras maleitas no peito”, pode ler-se.

“Porém, distraído não estaria certamente passados alguns minutos, em que se percebeu, pela rápida decisão de Artur Soares Dias em rever o lance no monitor; que Tiago Martins pronta e solicitamente indicou um possível erro de análise numa grande penalidade assinalada… a favor do Benfica. Parabéns pela decisão acertada! Só é pena que acerte mais nuns casos que noutros”, acrescenta.

O caso referido entretanto pelo Benfica, recorde-se, remonta a 28 de setembro, quando Tiago Martins foi atingido por uma moeda vinda das bancadas no final do encontro com o Vitória FC; no estádio da Luz, e motivou uma multa no valor de 3 188 euros.

Via
Noticias ao Minuto

Artigos relacionados

Back to top button
Close
Close