Desportos de CombateMMA

‘Se eu fosse empresário de Chuck, diria não à luta’

Tito Ortiz comenta triunfo sobre Liddell

Doze anos depois, Tito Ortiz finalmente conseguiu sua “vingança” sobre Chuck Liddell. Em combate realizado no último sábado (24), Ortiz nocauteou seu antigo rival no primeiro round, na luta principal do evento Golden Boy MMA, realizado em Los Angeles, nos Estados Unidos.

Em entrevista depois da importante vitória, Ortiz comentou que, se fosse empresário de Chuck, não permitiria o seu retorno ao MMA. “The Iceman” tem 48 anos e não lutava profissionalmente desde 2010. No cage, Liddell se mostrou completamente irreconhecível ao atleta da década passada, que foi campeão meio-pesado do UFC.

“Se eu fosse o empresário dele, diria não (à luta). Certamente teria dito ao Chuck para conseguir um emprego de embaixador. Promover o nome dele para conseguir contratos e fazer outras coisas para ganhar dinheiro”. Contou Ortiz, de 43 anos, que tem quatro vitórias nas últimas cinco lutas.

Aliás  Tito ainda fez defesas ao retorno de Chuck Liddell ao MMA, inclusive não se opondo ao fato do adversário ainda considerar uma nova luta depois de perder no sábado.

“Mas você não pode segurar alguém. Se ele sente que é algo que quer, quer lutar e quer continuar a lutar, então você tem que deixar ele caminhar com as próprias pernas. Então, se ele ainda quiser lutar, encontre um oponente. Encontre alguém que não é um Tito Ortiz”, completou Tito, que tem 20 vitórias em 33 lutas profissionais no MMA.

Fonte: Tatame.

Tags

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button
Close