Ciclismo

GP Beiras. Passagem pela Torre pode decidir o vencedor

A quarta edição do Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela

A quarta edição do Grande Prémio Internacional Beiras e Serra da Estrela começa na sexta-feira.

Certamente, tem prevista a passagem pela Torre na última etapa, que deverá ser decisiva na sucessão do russo Dmitry Strakhov.

Os 529 quilómetros das três etapas da edição de 2019 serão feitos em constante sobe e desce.
No entanto, as decisões estarão em teoria reservadas para a derradeira tirada.
Entre Celorico da Beira e a Covilhã, num total de 177 quilómetros.

Apesar de a passagem pela Torre, contagem de primeira categoria, estar sensivelmente a meio da etapa, a ascensão ao ponto mais alto de Portugal continental, feito a partir de Seia, deverá ser seletiva e deixar os principais favoritos na frente para a difícil chegada à Covilhã.

Origem
Rtp

Artigos relacionados

Botão Voltar ao Topo